As mudanças no Luis Nassif Online

Nesta noite, finalmente, será completada a migração do Blog para o Jornal GGN (www.jornalggn.com.br).
A integração permitirá avançar nos conceitos de jornalismo colaborativo. Além disso, todo post publicado no Blog estará automaticamente no GGN - e vice-versa.
 
Assim como no Brasilianas, cada cadastrado terá seu próprio Blog, poderá montar seus próprios Grupos de Discussão.
 
Os posts mais colaborativos - como o Fora de Pauta, Clipping, Multimidia e Fotos - se tornarão editorias. Em vez de colocar o conteúdo nos comentários, vocês poderão criar posts completos, que terão chamadas nas editorias respectivas e aqui no próprio Blog.
 
O novo modelo permitirá as seguintes funcionalidades:
 
Grupos - criar grupos de discussão abertos ou fechados.
 
Mutirão - áreas para trabalho colaborativo em torno de temas específicos.
 
Posts - seja nos espaços colaborativos ou para as demais editorias.

Brasilianas.org discute o novo Código Florestal

Nesta segunda-feira (05), às 22h, o Brasilianas.org aborda os pontos críticos do novo Código Florestal, às vésperas dessa importante decisão tanto para a agropecuária quanto para a proteção dos biomas nacionais. O objetivo é levantar os limites entre a sustentabilidade e a produção. A sociedade brasileira tem condições de realizar um pacto entre ambientalistas e agricultores/pecuaristas? A nova legislação é uma solução ou resultará em prejuízos?

Para debater esses assuntos, Luis Nassif recebe o engenheiro florestal Jean Paul Leclau, da Esalq/USP, e o gerente do Instituto de Estudos do Comércio e Negociações Internacionais (Icone), Rodrigo C. A. Lima.

Clique aqui para enviar sua pergunta.

Leia mais »

A tensão nas escolas pelo espelho do massacre de Suzano

Instituições buscam formas para lidar com ameaças, várias delas já identificadas pelas autoridades escolares e policiais como trote de adolescentes.

Leia mais »

Revisitando a opção de adesão ao Funpresp

Autor: 

Revisitando a opção de adesão ao Funpresp

 

Com a divulgação da proposta de Reforma da Previdência do Governo Bolsonaro, os servidores públicos foram tomados de pânico e incertezas.

 

A reforma propõem:

1- Aumentar as idades mínimas de aposentadoria;

2-Cálculo de benefícios menos favorável ao servidor;

3- Praticamente extingue a aposentadoria especial de servidores expostos a condições insalubres;

4-Aumenta significativamente as alíquotas de contribuição previdenciárias de servidores ativos e aposentados. Leia mais »

Ser Professor e a Indisciplina

A instituição escolar, espaço essencialmente educativo e de socialização, enfrenta o desafio de manter uma postura reflexiva e de ações efetivas frente à enxurrada permanente de relações interpessoais negativas, minando o cotidiano escolar. Os educadores encontram-se perplexos e, dependendo do contexto da escola, a maior parte do tempo dos profissionais da educação são utilizadas para “apagar incêndios”, prejudicando o desenvolvimento do trabalho e da aprendizagem. Para os professores, a indisciplina é a maior dificuldade a ser enfrentada no dia-a-dia da sala de aula, é a principal responsável pela angústia e cansaço emocional dos docentes. É muito comum os professores se queixarem a respeito de alunos indisciplinados, sem limites, agressivos ou aqueles que simplesmente recusam-se a realizar as atividades propostas em sala de aula. Leia mais »

SÓ A MORTE LIBERTA LULA

Falei e publiquei, quando ainda tinha perfis em Redes Sociais (deletei-os quando percebi que estamos num Estado de Exceção), que Lula deveria ter ido para o exílio. Notadamente, camaradas, petistas e membros de várias "esquerdas" defenderam que Lula tinha que ficar, crer nas instituições e lutar por provar sua inocência. Os fatos e o tempo vem comprovando que tinha razão, não só eu, claro, em não acreditar na farsa da Democracia Brasileira. Agora impedem Lula de ir dar o último adeus ao seu falecido irmão, 'Vavá'. Radicalizei, e mantenho, que Lula só sairá da cadeia morto ou inválido, e penso que o PT, e nossa esquerda "burra", e atolada no pragmatismo, parece querê-lo mártir e de sobre o seu caixão seguir a retórica estreita de disputa de governo, e pseudo-poder, com a nefasta burguesia. Lula também absorve parte da culpa por sua moderação, revisionismo e resiliência diante de uma conjuntura sabidamente hostil ao que é, e representa, no contexto histórico, nacional e internacional, da atualidade. Leia mais »

Cuidado com o Pequeno Imperador - Museu da Ferrari

Autor: 

O dia foi 26 de outubro, em Maranello na Itália, horário local 17:00 horas, no Museu da Ferrari.

Ao adentrar ao museu, me deparo com alguns protótipos: um em metal e outro em madeira. Olho de um lado e de outro e não vejo o famoso sinal de "do not touch" (não toque). Aí fiz a bobagem de tocar no protótipo de madeira. Escuto no fim da sala um grito: NÃO PODE TOCAR! Ao que respondo: ok, desculpe, mas podia ter um sinal de “não toque”. Leia mais »

Compilação - As 18 Silenciadas

Autor: 

As 18 Silenciadas é uma obra de repúdio ao ato cometido por Diego Ferreira de Novais, que ejaculou em uma passageira em um ônibus em São paulo (Agosto de 2017) e repúdio ao Juiz José Eugênio do Amaral Souza Neto que o “liberou”. Não aceitamos qualquer cultura de estupro e esses nomes não podem ser esquecidos, Nós não podemos aceitar tais decisões, queremos mais respeito!

https://archive.org/details/As18Silenciadas

https://nacaraecoragem.bandcamp.com/album/as-18-silenciadas

https://www.discogs.com/release/10927256

A solidão e o amor na divina comédia humana

Desde garoto tive uma relação bastante estreita com a solidão. Lembro-me, que desde de criança já procurava um refúgio para alguns momentos de isolamento e, muitas vezes, escolhia apenas a música para companhia. Ficava ali, num canto da sala, sentado sobre uma pilha de sacos de arroz no mais profundo isolamento. Meu pai era agricultor e quando não havia mais espaço para armazenar a colheita, empilhava tudo na sala de casa mesmo, só ficavam pequenos espaços para a passagem da família ou de eventuais visitas. Leia mais »

Aguinaldo Gonçalves lança nova obra poética

O crítico literário, ensaísta, escritor e poeta Prof.º Aguinaldo Gonçalves iniciou na capital paulista na noite de 19 de julho o lançamento da sua nova obra poética “Nove Degraus para o Esquecimento, publicada pela Ateliê Editorial.  No próximo dia 25/07, o lançamento seráem São José do Rio Preto, a partir das 19 h., no Bar Casa das Janelas, à rua João Teixeira, 346. O lançamento em outras cidades do Brasil,segundo o poeta, serão brevemente agendadas. Leia mais »